Home

Blog do EVALDO TEIXEIRA

A ação de informantes, também conhecidos como whistleblowers (em tradução literal, “sopradores de apito”, como são chamados aqueles que denunciam a ocorrência de atividades ilegais em suas organizações) já rendeu ao governo dos Estados Unidos pelo menos US$ 16,86 bilhões a mais em multas contra empresas e funcionários envolvidos em crimes financeiros, segundo estudo de pesquisadores das universidades americanas de Iowa, Texas A&M, Arizona State e American University.

Esse montante, obtido exclusivamente graças às denúncias dos informantes, é referente a ações do Departamento de Justiça (DOJ) e da Securities and Exchange Commission (SEC, na sigla em inglês, órgão que regula o mercado de capitais, equivalente à Comissão de Valores Mobiliários no Brasil) entre 1978 e 2012 e equivale a 21% do total de US$ 79,46 bilhões em multas coletadas nessas ações no período.

“Há forte evidência de que, quando whistleblowers estão envolvidos, a SEC e o DOJ conseguem aplicar penas…

Ver o post original 769 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s